Rio de Janeiro - Brasil

sexta-feira, 2 de março de 2012

SP: Praia Grande já dispõe de teste rápido para dengue


Em Praia Grande, a Secretaria de Saúde Pública (Sesap) disponibilizou para a população os testes rápidos para diagnóstico de qualquer um dos tipos de dengue. O resultado fica pronto em 15 minutos e facilita a ação dos agentes na aplicação correta dos recursos e medicamentos. Em 2012 a Cidade registra apenas dois casos da doença do tipo clássico.
A estratégia é identificar rapidamente os casos de dengue para o imediato bloqueio do local de incidência da doença, permitindo ações de eliminação de focos e alerta da população local. Para isso, o Pronto Socorro Quietude funciona como base para coleta de sangue de pacientes com evidentes sintomas da doença. As amostras serão enviadas ao Instituto Adolpho Lutz para identificação do tipo.

Segundo a médica da Divisão de Vigilância Epidemiológica, Leila Prieto, o teste tem precisão até o terceiro dia do sintoma, quando o vírus está circulando no sangue. “Após este período, o vírus deixa de circular. Então, somente a sorologia (do sangue) consegue detectar a dengue por meio dos anticorpos produzidos pelo organismo. Nesse caso, o resultado demora até uma semana para ser conhecido, o que impede uma ação mais rápida no combate à doença”, disse.

Para o chefe do Departamento de Vigilância em Saúde da Sesap, Luiz Marono, não há motivos para preocupação, mas é prudente que a população não se descuide, tomando todas as precauções contra a proliferação do Aedes aegypti. “Temos uma situação tranquila atualmente, mas é preciso estar atento, porque estamos entrando em um período pré-epidêmico”, alertou.
Fonte:



0 comentários:

Postar um comentário