Rio de Janeiro - Brasil

domingo, 18 de março de 2012

A masculinização da mulher brasileira.



O texto vem abordar a “onda do momento”  onde as mulheres com objetivo de ganhar um corpo escultural, acabam exagerando na dose em seus exercícios e muitas vezes utilizando anabolizantes, culminando em uma imagem masculinizadas.
Nos dias de hoje a busca pelo corpo ideal vem levando mulheres e homens ao extremo nas academias. Os homens querendo ficar “ bombados” utilizam anabolizantes que muitas vezes são comercializados ate mesmo nas academias. Esses anabolizantes (hormônio do crescimento) são perigosos para a saúde quando utilizados sem acompanhamento medico, pois eles não atuam somente na musculatura esquelética, seus efeitos também podem se estender na musculatura lisa, como a do coração causando sua hipertrofia.
As mulheres alem de correrem os mesmos ricos que os homens utilizando essas substâncias, também passam a apresentar fisionomia masculina, como o “gogó”, aumento de pelos pelo corpo e o engrossamento da voz, que por final a mulher fica igual a um travesti.
No mundo das celebridades o que mais tem são essas “mulheres machos”, que não enxergam que exageraram nos treinos e em tais substancias que alias nem deveriam usar, mas talvez que por “cegueira coletiva” ganham holofotes da mídia como se “aquilo” fosse bonito, incentivando outras mulheres a seguir esse “modelo de beleza”.
Neste carnaval era ate difícil saber o que era mulher do que era um traveco, pois alem do corpo altamente masculinizado, as tais “beldades” extrapolaram no silicone, algumas com peitos que pareciam que iam explodir.
A alma da beleza feminina e justamente o corpo harmonioso, a delicadeza que nada tem haver com o padrão de beleza que a mulherada vem adotando no Brasil. No Big Brother da Espanha os participantes pensaram que a BBB Laisa era um travesti justamente pelo tamanho avantajado da brasileira.
Não sei se isso e apenas uma moda, que assim como tantas, passam, ou se realmente esse e o novo padrão de beleza da mulher brasileira. Se for e uma pena, pois para mim, o homem que gosta de abraçar uma mulher com corpo masculinizado deve ser um “bambi enrustido” que por não ter a coragem de encarar um homem propriamente dito, procura então uma mulher, que parece com um macho.
Por
Uanderson


0 comentários:

Postar um comentário