Rio de Janeiro - Brasil

sexta-feira, 9 de março de 2012

homem chinês passou a vida trancado em uma gaiola de madeira


Um homem chinês com deficiência mental passou quase toda a sua vida trancado dentro de uma gaiola de madeira, pois sua família não podia pagar para cuidar dele.
Tragic Wei Yun, 23 anos, que vive na aldeia Gongchuan,, sul da Província de Guangxi na China é incapaz de andar ou falar e somente se rasteja.
Quando criança ele engatinhava em torno da casa, mas aos dois anos de idade, ele derrubou uma panela de água fervente e quase morreu.
A partir de então seus pais começaram a prendê-lo em uma gaiola de madeira para sua própria segurança.
O pai do rapaz trabalha longe de casa e raramente tem tempo para visitar, ou seja, não há ninguém para vigiá-Wei, enquanto sua madrasta Nong trabalha durante o dia.
Devido a isso ela é obrigada a prendê-lo na gaiola pequena durante todo o dia, enquanto ela está fora.
Um vizinho comentou: "É uma escolha difícil para ela, por um lado tem que cuidar de Wei Yun mas por outro lado ela tem que fazer trabalho de campo e outros biscates para sustentar a família".
Muitas das pessoas mentalmente doentes da China são forçados a viver da forma mais terrível, especialmente nas áreas rurais onde a pobreza é comum e não existem instalações estaduais para cuidar deles.

Fonte:


Opinião
A China assim como o Brasil pertencem ao grupo de Países que hoje se enquadram como as novas potencias mundiais. Porem glamour a parte, essa é a realidade dessas nações que em seus “ grotões” estão escondidas muitas barbaridades como essa.
Não adianta o Pais dizer por ai que um dia estará ultrapassando o PIB americano se uma grande parcela de sua população vive a Margem desse desenvolvimento.
Por
Uanderson



0 comentários:

Postar um comentário