Rio de Janeiro - Brasil

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Jornal do Brasil: “Rio caminha nos próximos quatro dias para perder royalties do petróleo.”


De acordo com informações dos bastidores do Senado, o presidente da Casa, José Sarney, decidiu não criar uma comissão para analisar a questão da distribuição dos royalties do petróleo entre estados produtores e não produtores. O assunto deve ser colocado em votação nos próximos dias. 
A decisão de Sarney contraria as reivindicações dos parlamentares dos estados produtores, liderados pelos senadores do Rio de Janeiro Lindbergh Faria (PT), Marcelo Crivella (PRB) e Francisco Dornelles (PP). A atitude do ex-presidente teria sido motivada por uma intensa pressão por parte dos governadores dos estados não produtores, que querem se apropriar daquilo que não é deles. 
Na próxima semana, senadores contrários aos direitos do Rio de Janeiro devem tentar encontrar uma brecha na pauta do Senado para conseguir votar o tema ainda no começo do mês de março.
A votação deve ser tratada como prioridade, sendo votada antes mesmo do aumento do piso dos professores, outro assunto de grande repercussão na mídia. 
O Jornal do Brasil espera que haja uma mobilização em  todo o estado contra esta apropriação dos nossos direitos. O JB informa que o movimento correto em defesa dos nossos interesses é o caminho da Justiça, batendo às portas do Supremo Tribunal Federal (STF). 
Fonte:
Jornal do Brasil
Link:




0 comentários:

Postar um comentário