Rio de Janeiro - Brasil

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Super-predador antigo tinha uma visão assustadora


Um super-predador que estava no alto da primeira grande cadeia alimentar da Terra usava uma visão assustadora para capturar suas presas. Batizado Anomalocaris (que significa “estranho camarão”), ele tinha grandes olhos protuberantes dotados de 16 mil lentes hexagonais cada, o que lhe dava uma imagem de alta resolução nos mares do planeta há 500 milhões de anos, no chamado período Cambriano.
Com entre 90 centímetros e dois metros de comprimento, garras e uma boca circular repleta de placas intercaladas, a criatura tinha tamanho e características que levavam os paleontólogos a acreditarem que era mesmo um formidável predador, mas até recentemente não se sabia como ele localizava suas vítimas. Mas um fóssil excepcionalmente bem preservado encontrado na Ilha de Kangaroo, na costa Sul da Austrália revelou finalmente o par de eficientes olhos compostos, equivalentes ao de insetos como as atuais libélulas.
- O Anomalocaris tinha uma visão espetacular, rivalizando ou excedendo a maioria dos atuais insetos e crustáceos – diz John Paterson, da Universidade da Nova Inglaterra em Armindale, Austrália, e um dos autores de artigo sobre a descoberta publicado na edição desta semana da revista “Nature”. - Poucos animais modernos, particularmente os artrópodes, têm olhos tão sofisticados.

Fonte:

0 comentários:

Postar um comentário