Rio de Janeiro - Brasil

domingo, 13 de novembro de 2011

Igreja Universal volta a atacar cantora gospel, dessa vez no Domingo Espetacular


Música, agitação e tombo no meio de um culto religioso" é o que Paulo Henrique Amorim, apresentador do "Domingo Espetacular", anuncia como destaque da edição deste domingo (13) do jornalístico da Record.

A reportagem vai abordar o tema "cair no espírito", prática usual nas igrejas evangélicas petencostais. Na crença praticada por essas denominações, os fiéis ficam como em estado de transe e podem manifestar o recebimento do Espírito Santo de diversas maneiras, entre elas caindo no chão.

O Bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal do Reino de Deus e dono da Record, já se posicionou publicamente contra essa prática. Em setembro, Macedo e outros pastores da Universal utilizaram os veículos de comunicação da igreja para criticarem a Igreja Assembléia de Deus e Ana Paula Valadão, líder do grupo musical Diante do Trono.

Primeiramente em seu blog, Macedo comparou os cultos da Assembléia de Deus a celebrações de terreiros de macumba. Em resposta, também em seu blog, o pastor Marcos Feliciano, da Assembléia de Deus, negou qualquer semelhança: “A diferença é que aqui tudo é original, lá no terreiro de macumba, é imitação barata”, afirmou.

Depois, Ana Paula Valadão foi ironizada por pastores da IURD TV. Eles utilizaram vídeos de um culto em que um pastor finlandês colocou as mãos sobre Ana, fazendo a cantora cair no chão. O culto ocorreu na Igreja Batista da Lagoinha, onde Ana também é pastora.

Os pastores da Universal criticaram mais uma vez a prática de "cair no espírito" e chegaram a afirmar que Ana Paula estava "endemoniada". No rádio, poucos dias antes, Edir Macedo disse que 99% dos cantores gospel são ’endemoniados’ e ’perturbados’.

Por meio do Twitter, a cantora rebateu as acusações: "Interessante ser criticada por me render de corpo e alma em adoração na presença de Deus... até me regozijo por isso; não me deixarei intimidar", postou.

A reportagem do "Domingo Espetacular" vai citar mais uma vez Ana Paula Valadão. Com isso, será a terceira vez que Edir Macedo usará veículos da Universal para atacar a cantora.

Junto com artistas como Aline Barros, Cassiane, Fernanda Brum e Ludmila Ferber, Ana Paula é um dos maiores sucessos da música evangélica no Brasil. Seu grupo, o Diante do Trono, é o maior vendedor de música gospel da Som Livre - braço fonográfico das Organizações Globo.
Fonte:

OPINIÃO
Uma coisa que não gosto de fazer e discutir sobre religião, mas no caso da matéria em questão não posso deixar passar batido.
A religião no Brasil esta virando um produto, as igrejas ( ha exceções) estão se transformando e um grande comercio, e seus lideres com uma postura agressiva de mercado de deixar qualquer mega empresário amedrontado.
Pois como pode um programa jornalístico, no caso o Domingo Espetacular, perder tempo com uma matéria criticando as igrejas que seguem a pratica de “ cair no espírito santo”?
Ficou na cara ser pura e simplesmente uma ordem da Universal,( principal contribuinte da Record) o ataque a estes artistas da musica gospel porque estes tem contrato com a Som Livre da Globo.
Esta pratica que Edir Macedo esta condenando ( cair no espírito) não sei se ainda é, mas já foi muito comum na igreja Universal. Como muitos artistas da musica gospel estão se inclinando a Globo, onde ja anunciaram um programa gospel na emissora para o próximo ano, já viraram alvo do “ macedão”.
Eu quero ver a Universal atacar o pessoal da igreja Mundial do Pastor Valdemiro Santiago, a igreja dele já é tão “ poderosa” quanto a Universal, a briga entre as duas pode dar pano para manga.
O triste disso tudo e que acaba servindo de arsenal para quem não gosta dos evangélicos, ou seja por causa de poucos, a maioria padece.
Por Uanderson  

0 comentários:

Postar um comentário