Rio de Janeiro - Brasil

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Morre gravida baleada em São Paulo





O Hospital do Campo Limpo confirmou a morte encefálica da assistente administrativa Daniela Nogueira de Oliveira, de 25 anos, nesta quinta-feira, às 15h08. 

Daniela, que estava grávida de nove meses, foi baleada na cabeça durante uma tentativa de assalto no Campo Limpo, zona sul de São Paulo. Ela estava chegando em casa, no Condomínio Horto do Ypê.

A criança foi salva por cirurgia cesariana e passa bem. Ela já deixou a UTI neonatal.

Fonte:

Opinião

Noticia muito triste, uma semana antes desta jovem ver o rostinho do seu bebê, sua vida é ceifada por “vomitos da natureza”. Quero saber ate quando nossas leis continuarão tão brandas, sim porque esses “vermes” tiram vidas, destroem sonhos, famílias, sem nenhum arrependimento. Depois de presos, baixam a cabeça, não por arrependimento, e sim para não serem reconhecidos por possíveis vitimas, que tenham tido sorte de sair com vida de seus ataques.

Eles sabem que podem ficar uma “temporada” na cadeia, mas rapidinho estão soltos para continuar arruinando vidas por ai. Se for “de menor”, ainda sai com a ficha limpa! Acho que já chega de tanta “bananice” em nossas leis, chega de tratar bandido como gente, pois eles não tem respeito a vida alheia, devem ser tratados como uma praga de gafanhotos, que precisa ser exterminados com um potente agrotóxico!

Uanderson

0 comentários:

Postar um comentário