Rio de Janeiro - Brasil

sexta-feira, 21 de junho de 2013

Gari que inalou gás lacrimogêneo em protesto morre em Belém (PA)

A gari Cleonice Vieira de Moraes, 54, morreu nesta sexta-feira (21) em Belém (PA), depois de ter inalado gás lacrimogêneo lançado pela Polícia Militar durante confronto com manifestantes na quinta-feira (20).

De acordo com informações da "Folha de S. Paulo", essa é a segunda morte resultante dos conflitos em protestos, que estão acontecendo há duas semanas.

Cleonice trabalhava na limpeza noturna do centro da cidade. Durante os protestos em frente à prefeitura da cidade ontem, a gari e outros trabalhadores se protegeram dentro do monumento de um bonde restaurado para visitação turística. No entanto, com a explosão das bombas, a mulher, que  tomava remédios controlados para hipertensão, acabou passando mal, teve uma parada cardíaca e foi socorrida.

O secretário de Saneamento de Belém, Luiz Otávio Mota, afirmou que os trabalhadores não foram obrigados a permanecer no local com os confrontos e chamou a morte de Cleonice de "fatalidade".

Antes de Cleonice, o estudante Marcos Delefrate, 18, morreu em meio ao protesto em Ribeirão Preto (313 km de São Paulo). Ele foi atropelado por um carro que furava um bloqueio de manifestantes. O motorista está foragido. 
 
Fonte: http://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/brasil/2013/06/21/gari-que-inalou-gas-lacrimogeneo-em-protesto-morre-em-belem-pa.htm

0 comentários:

Postar um comentário