Rio de Janeiro - Brasil

sábado, 30 de maio de 2015

Deputado estadual do Rio cria projeto de lei que privilegia templos religiosos pela Justiça.



Nessa semana foi divulgado pelo Jornal O Dia que o deputado estadual Fabio Silva, herdeiro da Radio Gospel Melodia FM, propôs a criação de uma lei que privilegia igrejas e templos religiosos, dando prioridade na justiça em processos que envolvam essas entidades.

Leiam:


Segundo o jornal O Dia, O texto também garante às igrejas privilégios no âmbito administrativo em processos que envolvam concessionárias de serviço público. O autor da lei, deputado Fábio Silva (PMDB),para justificar sei projeto, argumenta que as ações das igrejas devem ter mais celeridade porque são atualmente “o maior braço do estado, ajudando na recuperação de viciados, no apoio aos necessitados etc”.

E lógico que isso é inconstitucional, o Brasil ainda é, embora já estamos na beira do penhasco do totalitarismo, ainda é um País laico. O Pastor Silas Malafaia costuma dizer que País laico não quer dizer País ateu, bom entendo que uma nação que em sua constituição se apresenta como País laico, e porque a religião que sua população ira seguir não pode interferir nos rumos do País.

Os grupos religiosos podem dar sua contribuição, participando das questões sociais, mas não interferir a ponto de criar normas e condutas que todos os cidadãos devam passar a ter independente do seu credo, isso e comum nos Países teocráticos onde o totalitarismo e quem manda.

O Brasil e uma nação problemática, vivemos um caos total, que vai de uma política falida e corrupta a violência urbana sem controle onde ate nossos policiais estão pedindo socorro, e enquanto o circo no País pega fogo do Oiapoque ao Chuí nossos deputados, principalmente os da bancada religiosa estão preocupados com questões superfulas, como essa do deputado Fabio Silva, ou sexuais como tantas outras coisas que já vimos por ai.

Falam em defender a família brasileira nas eleições, mas o defender na opinião deles seria ser um contra ponto aos que defendem o casamento gay por exemplo. Acredito que proteger a família brasileira é dar segurança a uma família que um de seus membros não serão mortos num assalto diante de tal banditismo que vivemos graças principalmente a leis que estão com prazo de validade vencido!

O deputado disse ao jornal que as igrejas recuperam viciados, enfim fazem um trabalho social. Seria muito bom se isso fosse uma bandeira de todas as igrejas, a caridade, ajudar a quem precisa compartilhando o pão farto que muitas igrejas tem e estão ostentando por ai, o nababesco templo da Universal em São Paulo é um exemplo.

Não estou sendo critico as igrejas evangélicas falo das instituições religiosas como um todo, a católica esta nesse meio, que durante séculos acumularam riquezas com seus suntuosos templos em detrimento a miséria do povo que a rodeia, indo ao contrario do exemplo de Cristo veio ao mundo mostrar que para alcançar a salvação basta crer em Deus, na bíblia diz :

Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;
Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam.
Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração.
Mateus 6:19-21

A sociedade necessita de renovação, e o que buscamos de nossos políticos e que trabalhem de forma coordenadas com coisas que possam ser benéficas para toda população e não para um grupo seleto.

Mas ninguém tem isso em mente porque não os interessa, são eleitos por igrejas para atender os interesses das igrejas e não da sociedade. 

por Uanderson de Aquino

0 comentários:

Postar um comentário