Rio de Janeiro - Brasil

sábado, 17 de maio de 2014

Salve-se quem puder: O Brasil ficou selvagem!!!!


Nas ultimas semanas temos vistos ações de pessoas que resolveram procurar justiça com suas próprias mãos, revoltados com tantas crueldades praticadas por bandidos e a inércia da justiça, já virou moda prender bandido em poste.

Porem a nova modalidade dos justiceiros “ Made in Brasil” e linchar pessoas que estariam envolvidas com algum crime. Porem, vindo do Brasil, pode –se esperar que boa merda virá.

Os tais justiceiros conseguem ser mais cegos que a justiça que se diz cega, e os linchamentos tem atingido os alvos errados. Não que as pessoas devam linchar bandido, a questão e que ate agora todos os supostos criminosos linchados ate agora eram inocentes, foram confundidos por pessoas que estão agindo feito bicho.

No inicio deste mês uma mulher foi linchada porque um grupo de usuários de facebook que não tem o que fazer na vida, postaram um retrato falado de uma mulher que seria seqüestradora de crianças.

No link a pessoa pedia que compartilhassem a noticia pois a tal mulher estava seqüestrando crianças no bairro de senador Vasconcelos, zona oeste do Rio.

 Por esse mesmo retrato falado confundiram uma mulher, mas em São Paulo, espancaram a mulher ate a morte.

Ainda neste mês, um homem foi linchado, também em São Paulo confundido com um ladrão. Na realidade o bandido é irmão do cara que foi linchado. A sorte e que pelo menos esse saiu vivo do escalpe!

Na ultima quinta feira, um homem foi linchado, em Mato Grosso do Sul, confundido com um estuprador. Segundo os jornais, o homem de 45 anos havia ingerido bebida alcoólica na noite de quarta-feira e, por volta das 22h30, teve uma discussão com sua esposa, com quem morava em uma casa no mesmo terreno onde moravam também seu pai e sua mãe.  

Após a discussão,o homem pulou o muro nos fundos de sua casa, caindo na área do imóvel de sua irmã. Ao tentar pular o muro da casa dela também, ele sofreu ferimentos na região da virilha após enganchar as roupas em uma grade com lanças, rasgando seu shorts e cueca, que ficaram presos na grade.  

Ainda segundo a polícia, moradores o avistaram nu e com ferimento na região genital caminhando próximo a um terreno baldio, e passaram a agredi-lo com socos e pontapés.

"Alguém teria gritado 'olha o tarado!' e aí partiram para cima dele. E ele, embriagado, talvez não conseguiu se defender.

De acordo com a polícia, a vítima conseguiu voltar para casa após a agressão. O pai dele acionou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e ele foi levado para a Santa Casa de Campo Grande, onde não resistiu.

Ele foi enterrado na tarde desta sexta-feira (16). Segundo o delegado, há relatos de testemunhas de que os agressores usaram também uma barra de ferro e pedaços de pau para golpeá-lo.

Ate aonde esses “justiceiros míopes” vão? Será que agora temos que andar disfarçados, tipo ir trabalhar vestidos de padre ou pastor com uma bíblia debaixo do braço para não correr o risco de também ser confundido que algum marginal e acabar sendo morto a paulada?

Do jeito que a coisa esta talvez nem assim adiantasse, já que o que não falta e denuncias de padres e pastores pedófilos, esta arriscado de sermos confundidos com um desses e morrer carbonizado por ai.

Por mais revoltante que as coisas vão neste País, de ladroagem, leis idiotas postas em crimes hediondos, não podemos sair por ai espancado alguém porque acha que o cara se parece com um criminoso! Vamos botar esse cérebro para funcionar e agir feito gente civilizada!

UAN Noticias

Fonte de pesquisa Bol
 http://zip.net/bfnn7T


0 comentários:

Postar um comentário