Rio de Janeiro - Brasil

terça-feira, 27 de maio de 2014

De novo essa porra: Rodoviários decidem parar a partir da 0h na região metropolitana do Rio

Os motoristas e cobradores de ônibus do Rio de Janeiro decidiram fazer nova paralisação na cidade, a partir da 0h de quarta-feira (28). A paralisação, com duração de 24 horas, atingirá também os municípios de Duque de Caxias, Nova Iguaçu e Niterói, afirmou um dos líderes do movimento, Hélio Teodoro. 

A decisão foi tomada em assembléia realizada na noite desta terça (27), quando cerca de 150 rodoviários se reuniram na Candelária para votar sobre o movimento.

Os rodoviários decidiram parar pela terceira vez em menos de um mês após audiência no TRT (Tribunal Regional do Trabalho), na qual não entraram em acordo com as empresas de ônibus. Eles reivindicam aumento salarial de 40% (e não os 10% acordados entre o sindicato da categoria e as empresas de ônibus), o fim da dupla função e reajuste no valor da cesta básica –de R$ 150 para R$ 400.

Em comunicado ainda antes da decisão, o Sintraturb Rio (Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus do Rio de Janeiro) se posicionou contra o movimento, que ocorre à revelia dos líderes sindicais. De acordo com o documento, a movimentação "mostra somente o desespero e a falta de sensibilidade dos dissidentes que tiveram sua proposta de 40% de reajuste rejeitada".

"Em nenhum momento o Sintraturb foi procurado pelos líderes do movimento para encaminhar a reabertura da negociação junto aos empresários do setor, nem com a inclusão de novas propostas", afirmou o vice-presidente do sindicato, Sebastião José.

Nas últimas paralisações de rodoviários no Rio, além de transtornos para os passageiros, que ficaram sem ter como se deslocar principalmente da zona oeste para o centro da cidade, e centenas de ônibus foram depredados.

Fonte: BOL


0 comentários:

Postar um comentário