Rio de Janeiro - Brasil

domingo, 18 de agosto de 2013

Policial chinês é preso por ajogar bebê de sete meses no chão

As autoridades da cidade chinesa de Linzhou prenderam um policial que, embriagado, arrancou um bebê de sete meses dos braços do pai e jogou a menina no chão, provocando uma fratura no crânio.

Guo Zengxi, policial da cidade que fica na Província de Henan, saiu para beber com amigos em uma noite do mês de julho quando viu um homem segurando um bebê, ao lado da esposa, segundo a imprensa.

Depois de apostar com os amigos que a criança era apenas uma boneca, o policial tocou no rosto do bebê, arrancou ela do colo do pai e jogou a criança no chão.
A criança, que tem o nome Yueyue, foi levada para o hospital e está fora de perigo, segundo a agência estatal Xinhua. Mas deve ser levada a Pequim para passar por mais exames.

Inicialmente, o policial foi detido por 15 dias por falta disciplinar, mas não havia recebido outra punição e continuava trabalhando até este domingo (18) no prédio da segurança pública da cidade.

A ação do policial provocou muita indignação nas redes sociais chinesas, o que forçou uma reação das autoridades chinesas.

FONTE: Meio Norte

Opinião

Não me causa espanto essa noticia vindo de onde vem. A China é um País onde as crianças, em especial as meninas, são tratadas com desprezo. Publiquei ano passo aqui no Blog, uma noticia que uma menina foi atropelada em uma cidade na China.

Através de imagens de uma câmera que flagrou o ocorrido, mostrou que a menina ficou estirada na pista, e ninguém a socorreu, um homem chegou passar próximo ao corpo da criança e ele passou batido, como se não tivesse visto.

Na China, assim como em pocilgas similares, por tradição o nascimento de um menino e motivo de celebração, por este carregar o nome da família, e ser a pessoa que irá ajudar os pais na lavoura. Apesar da China não ser hoje um País rural, esse pensamento pequeno ainda se mantém.

O engraçado e que eles não se agradam do nascimento de meninas, mas quando seus meninos crescem ai os “papais” precisam se virar para arrumar uma mulher para o “filhote”, pois devido à enorme desproporção entre os gêneros na China, onde os homens são a imensa maioria, ate a “compra” de mulheres, que são tratadas como mercadoria acaba sendo a alternativa para os varões chineses não ter que precisarem se casar com uma mulher de tromba!

Por Uanderson

0 comentários:

Postar um comentário