Rio de Janeiro - Brasil

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Para refletirmos nossas vidas ao proximo ano.


Todo final de ano é a mesma coisa, desejos de que o próximo ano seja melhor. O novo ano chega, e a vida segue. O objetivo desse texto é discutir sobre os rumos que damos a nossas vidas. Sem querer mudar de rumo a essa conversa, mas sim puxando o “fim do mundo” como inicio dessa meada, vejo que as pessoas estão sem rumo a suas próprias vidas.

Nesta sexta feira passada, alguns idiotas,  previam o fim do mundo. Em varias partes do mundo ecoou a profecia maia, no Brasil em algumas localidades, populares armazenaram alimentos para o fatídico dia. Dia esse que não veio.

Pensei comigo, o que leva as pessoas a acreditarem nessas baboseiras que ganham couro a ponto da NASA ter que vir a publico desmentir a profecia do fim do mundo. Ocorre que as pessoas estão tão desiludias com sigo mesmas que se apegam a qualquer coisa que os façam a acreditar que no final um mundo novo ira surgir, um novo “Jardim do Éden”. Com paz e justiça para todos.

Essa é a crença de religiões, como a cristã que aguarda o retorno de Cristo para salvar os escolhidos, assim são os que acreditam que uma nave espacial vira buscar seus eleitos, outros por sua vez acreditam que os ET´s virão ajudar o mundo, acabando com  as guerras, a fome, etc..

Ou seja no final todos acreditam que a solução e a intervenção de “seres externos”, pois os que aqui vivem já perderam o controle. De certa forma realmente tem momentos que nos cansamos de lutar para viver de forma honesta, ganhando a vida através de mérito. Pois hoje o “mérito” perdeu um pouco seu valor( ou talvez todo).

Olhamos nossos salários no final do mês, e vemos que no final, trabalhamos para apenas sobreviver, enquanto uma turma, goza a vida sem tanto esforço. Talvez pela sorte de ter nascido bonito, as meninas então, bundão, peitão, coxão, já e uma porta para o “$uce$$o”, ai vem o pessoal e criticam essas “subcelebridades”, mas será que eles estão errados em querer ganhar seus trocados sem pensar muito?

Eu acho que eles é que são espertos, pois a vida e curta, e vejo muitos que lutam e no final das contas dão com os burros n`agúa. Porem esse texto não vem querer desestimular ninguém, e sim que cada um avalie o que espera de si, e da vida, pois a realidade e que nada vai cair do céu, a não ser bosta de pássaros.

Independente de qual for seu caminho, saiba que para quem não nasceu em berço de ouro, temos que pular a cada onda se quisermos alguma coisa nessa vida, e sem esperar ajuda de quem quer que seja, pois existem mais pessoas dispostas a nos ver na “merda” do que no sucesso, pois o fracasso e tão comum que incomoda os poucos que se livram dele.

E  voltando ao fim do mundo, que as pessoas cresçam, o mundo não acaba, a não ser o particular de cada um. A Terra continuará orbitando ao sol pelos próximos cinco bilhões de anos, ate que este vire uma gigante vermelha,  chegando a orbita da terra, aniquilando esse pequeno planeta.  Um bilhão de anos após o fim do planeta azul, o Sol enfim se apagará, se transformando em uma “anã branca”.

Mas não estaremos aqui para ver esse “espetáculo” o mundo de cada um acabará muitíssimo antes, uns por velhice, outros por acidentes, doenças, enfim a vida e um ciclo que querendo ou não se fechará, afinal, ate as estrelas morrem!

A conclusão desse texto é para que cada um que o leia, reflita o que quer de sua vida, e que viva, não importa a opinião de outros, pois a vida e sua, desde é claro que sua decisão não prejudique a vida de terceiros, viva enquanto pode e que 2013 possa ser quem sabe o ano em que você possa alcançar seus objetivos e a tão sonhada felicidade, felicidade esta que é relativa para cada um, tem pessoas que mesmo vivendo em baixo de um viaduto se dizem felizes, enfim VIVAM!

Uanderson


0 comentários:

Postar um comentário