Rio de Janeiro - Brasil

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Fim do mundo no Brasil: Em Natal, mãe guarda corpo de bebê morto em geladeira








Um caso registrado em Natal-RN vem mobilizando a opinião pública pela forma estranha como aconteceu. Uma mãe dá à luz a um bebê na maternidade do Hospital Santa Catarina, na capital potiguar, que morre um dia depois e é levado em uma caixa de papelão para casa e guardado dentro de uma geladeira.

O caso foi denunciado pela própria mãe, a dona de casa Juciana Cristina da Silva, moradora da Rua Renascer, conjunto Alto da Torre, bairro da Ribeira, em Natal, que disse à TV Ponta Negra que foi obrigada a levar o bebê em uma caixa de papelão para casa pela própria direção do hospital.

Juciana contou que na manhã do dia 1º deste mês começou a sentir as dores do parto e foi levada para o hospital e lá foi submetida a um parto cesariana e nasceu um menino. Juciana conta que achou estranho o bebê não ter chorado e ainda por ser um menino, já que as ultrassonografias que havia feito anteriormente havia indicado uma menina. A mãe disse que comprou enxoval para menina e veio um menino. No dia do parto, Juciana disse que o bebê foi levado para a incubadora por ter apresentado um problema de saúde.

Somente no dia seguinte a mãe foi informada que o filho havia morrido e que ela precisava providenciar a retirada do bebê do hospital. Juciana disse que perguntou se não podia deixar o bebê e depois voltar para pegar, mas foi informada que teria que levar o bebê com ela, foi então que enrolou o filho morto em uma manta, o colocou em uma caixa de papelão e o levou para casa e guardou dentro da geladeira até providenciar o enterro.


Fonte:


0 comentários:

Postar um comentário