Rio de Janeiro - Brasil

domingo, 27 de julho de 2014

Critica: Explicando melhor aos desentendidos sobre a importância da enfermagem.


             Leiam:



Esse blog é atualizado semanalmente, e a poucos dias coloquei um artigo que critica a comparação entre enfermeiros e pedreiros feito pelo deputado Eduardo Cunha. Um internauta fez uma critica ao artigo em que em determinado trecho disse que o artigo é “irritante” e “uma vergonha” e ainda menciona que eu falo como Ronaldinho( aqui no blog por enquanto só escrevo) pareço um poeta.

Nunca ouvi falar que o Ronaldinho fosse um poeta falando, nem por ironia, isso ja foi imputado ao Pelé que segundo Romário, o Rei do futebol é um poeta quando calado.

Pois bem internauta o texto é uma critica a comparação feita pelo deputado Eduardo cunha entre Enfermeiros e Pedreiros para se negar a apoiar a redução das 30h para a enfermagem.

Se ele não quer dar esse apoio é direito dele, mas ao fazer esta comparação ele demonstra total desprezo pela enfermagem. Esta categoria não se vê melhor que as demais assim como ele diz em seu blog, a categoria quer a redução de sua jornada de trabalho uma vez que outras categorias já conseguiram. Ao igualar os enfermeiros e técnicos a pedreiros o deputado não leva em consideração diferenças básicas entre essas categorias profissionais.

1º Os pedreiros são profissionais de suma importância, mas seu oficio não requer muita instrução para desenvolvê-la.

2º para ser técnico de enfermagem é preciso fazer um curso técnico de enfermagem por dois anos, que inclui estagio; para ser enfermeiro é necessários cinco anos de graduação em uma faculdade, com estagio.

3º no exército de sua função os pedreiros não lidam diretamente com a vida e morte, sofrimento e angustia por 24h ininterrupta ao lado de seus clientes.

4º técnicos de enfermagem e enfermeiros trabalham em uma linear de vida e morte, lidam com o sofrimento de seus pacientes, precisam passar segurança seja qual for à situação. Um erro de enfermagem pode custar à vida de seu paciente.

Pelas simples comparações acima mostra que a enfermagem é uma profissão especializada, os enfermeiros são profissionais altamente capacitados a assumir uma situação de eminente risco de morte ao paciente na ausência do medico, não é por menos que a graduação em enfermagem tem duração de 5 anos e nas faculdades publicas é de período integral.

Ao fazer este tipo de comparação o deputado demonstrou que, ou tem desprezo pela enfermagem ou total desconhecimento da serventia destes profissionais em um hospital.

Enquanto no Brasil a enfermagem vez ou outra ouve este tipo de absurdo, em outros Países a enfermagem se desenvolve amplamente, são profissionais que vem ganhado espaço e notoriedade.

Nos Estados Unidos por exemplo cada estado possui suas leis, é há estados onde os enfermeiros podem se especializar em anestesistas e estar em par de igualdade com o medico cirurgião.

No ano de 2009, o quarto maior salário da área da saúde nos EUA era ocupado pelos enfermeiros anestesistas.

Leiam a matéria abaixo do O Globo em 2009:


Sendo assim, os profissionais da enfermagem no Brasil contam com a sensatez dos políticos em rever suas afirmações e ajudar estes profissionais a ter uma melhoria em suas condições de trabalho, não apenas na redução da carga horária, como também salarial.

Acredito que desta forma não serão apenas os profissionais da enfermagem que sairão ganhando, mas toda a sociedade que um dia irá precisar dos cuidados da enfermagem que é a categoria profissional de maior permanência ao lado de seus pacientes.


Blog
UAN Noticias



2 comentários:

  1. Senhor uanderson de aquino li a reportagem do Globo que voce colocou, sobre enfermeiros de anestesistas mas nao entendi duas coisas. eles são enfermeiros de anestesistas ou enfermeiros anestesistas, e quem tem o maior salario na lista?

    ResponderExcluir
  2. Caro leitor, o correto é enfermeiro anestesista e não enfermeiro de anestesista pois da o falso entendimento do enfermeiro trabalhar para um anestesista, o que não e o caso.

    Nos EUA em alguns estados os enfermeiros podem se especializar como anestesistas, assim como já esta ocorrendo em alguns Países europeus.

    Quanto o ranking dos maiores salários pagos nos Estados Unidos em 2009 era:

    1º Engenheiro de sistema
    2º Médicos Obstetras e ginecologistas
    3º Medico Psiquiatra
    4º Enfermeiro Anestesista
    5º Diretores de venda
    6º de Finança
    7º Advogados
    8º Atuários
    9º Arquiteto de Software
    10º Corretores de Seguros.



    ResponderExcluir