Rio de Janeiro - Brasil

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Indiano é mantido em cativeiro pela mãe por 17 anos


Um homem foi mantido em cativeiro pela própria mãe por 17 anos em um vilarejo do distrito de Karnataka (Índia). Keshvamurthy, de 30 anos, foi libertado no domingo, depois que os vizinhos souberam do confinamento e decidiram derrubar as paredes do quarto onde o indiano estava.
De acordo com a investigação, Keshvamurthy está vivendo em "solitária" desde 1995. A mãe decidiu aplicar a "pena" depois que o filho não aceitou que ela se tornasse uma "devadasi" (tradição hindu pela qual meninas se casam com divindades) após se separar do marido. Ela alega, ainda, que o filho estava muito agressivo.

Chowdamma não deixava o filho sair do quarto e susa refeições eram servidas por um pequeno buraco na parede, de acordo com o "New Indian Express".

Keshvamurthy foi levado a um hospital de Bangalore para avaliações médica e posicológica.
Fonte: O Globo

0 comentários:

Postar um comentário