Rio de Janeiro - Brasil

segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Viajar de ônibus, tarefa que exige paciência.


Pra viajar de ônibus urbano no Rio, o usuário precisa de muita paciência. Com raras exceções, o serviço prestado pelas empresas são de péssima qualidade.
Atrasos, falta de manutenção, são alguns dos problemas, mas nada se compara a má educação dos motoristas, que não param nos pontos para os passageiros, da a impressão que e um favor fazer uma parada  para embarque de passageiros e não obrigação.
Acho que na cabeça de muitos motoristas sua obrigação e de apenas conduzir os ônibus de um lado para outro, o usuário neste caso, seria mero detalhe no percurso.
Logicamente, que as empresas de ônibus tem culpa no cartório, pois o mal serviço prestado pelos seus condutores e reflexo das condições insalubres de trabalho que oferece a seus condutores. Jornadas de trabalho desgastantes, e o pior( na minha opinião) o motorista faz papel de condutor e de cobrador ao mesmo tempo.
Essa pratica sem duvida estressa o profissional que precisa estar atendo no volante e no troco, pois se “ engolir barriga” vai sair de seu bolso no final do dia a passagem que faltar. Esta pratica, ao meu ver, alem de ser  uma exploração para os motoristas, ainda põe em risco a vida dos passageiros, pois em um distração pode provocar um acidente.
A prefeitura que deveria brigar pelos interesses dos usuários e dos profissionais acaba “ fechando os olhos”, em favor dos empresários. Com isso vemos motoristas desestimulados fazendo bandalhas e passageiros no dia a dia para pegar um ônibus vive uma missão de paciência.

Por Uanderson

0 comentários:

Postar um comentário