Rio de Janeiro - Brasil

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Justiça permite que mulher se vingue de homem que atirou ácido em seu rosto



Rio - Um iraniana que ficou cega após o amante jogar ácido em seu rosto ganhou na Justiça a chance de se vingar. O Tribunal do Irã deu permissão nesta sexta-feira para que Ameneh Bahrami derrame ácido nos olhos de seu agressor. A decisão - olho por olho, dente por dente - gerou polêmica até mesmo no Irã, onde a justiça medieval ainda persiste.

Majid Movahedi atirou ácido sulfúrico nos olhos de Ameneh após ela se negar a casar com ele. Em primeira instância o tribunal sentenciou o agressor a pagar uma multa por danos morais a Ameneh e também prisão. A decisão não foi suficiente ela queria que seu agressor sofresse a mesma angústia que ela foi forçada a suportar por mais de seis anos.

Após fechado o acordo, Ameneh irá injetar o ácido nos olhos de seu agressor enquanto em um hospital de Teerã. Serão colocadas vinte gotas em cada olho. De acordo com a vítima, ela tem recebido ameaças de morte por causa de sua determinação em se vingar.

No último momento, Ameneh poderá ainda mudar de idéia, mas em entrevista ao jornal ela ralatou. "Depois de seis anos estou recebendo de justiça. Ambos somos perdedores, porque nós dois sofremos muito.", relatou.

Fonte: O Dia Online

Acredito que talvez não resolveria o problema por completo, mas se o Brasil adota-se a lei do “ olho por olho, dente por dente" assim com o Irã, muitos psicopatas pensariam duas vezes antes de fazer mal a alguém.

0 comentários:

Postar um comentário